Star Wars: The Phantom Menace Star Liam Neeson defende o filme

Click to rate this post!
[Total: 0 Average: 0]

Star Wars Episódio I: The Phantom Menace lançado em 1999, e a resposta tem sido fascinante – recebeu críticas mistas e uma resposta azeda de fãs mais velhos, mas agora é olhado para trás com uma mistura de escárnio e nostalgia. Liam Neeson, que interpretou o mestre Jedi Qui-Gon Jinn na prequela, agora refletiu sobre o filme – e como uma de suas outras estrelas foi tratada pelos fãs.

Em conversa com o programa SiriusXM Radio Andy (captado pelo IndieWire), Neeson fala sobre Ahmed Best, que interpretou o polêmico Jar Jar Binks em The Phantom Menace. Neeson se lembra de ter pensado que Best poderia ser “o próximo Eddie Murphy”, e ele ficou chateado com a quantidade de críticas que o ator recebeu.

“Eu sei que muitos fãs e críticos não gostaram, e meu adorável amigo Ahmed Best, que interpretou Jar Jar Binks, recebeu muitas críticas”, diz Neeson. “A ponto de realmente prejudicar a carreira dele.”

Neeson diz que os fãs se voltaram contra Best agora e são mais respeitosos. Best já havia falado sobre como a recepção de Jar Jar Binks o levou a um lugar sombrio, mas ele deve retornar a Star Wars em breve para apresentar um novo game show de Star Wars.

Neeson diz que também gosta do filme. “Eu tenho que ser um Jedi, tenho que brincar com aqueles sabres de luz maravilhosos e outras coisas … Eu gostei do filme. Estou orgulhoso dele. Estou orgulhoso de ter feito parte dele.”

O Jinn de Liam Neeson morre em The Phantom Menace, mas o ator fez uma participação especial em Star Wars Episódio IX: The Rise of Skywalker.

Enquanto o próximo filme de Star Wars ainda vai demorar, os fãs podem esperar pela 2ª temporada de The Mandalorian começando em 30 de outubro no Disney +.

Apaixonado por tecnologia e inovação, traz notícias do seguimento que atua com paixão a mais de 15 anos.

Comments (0)
Add Comment