É muito ruim quando algo que usamos muito no dia a dia começa a atrapalhar ao invés de facilitar, esse é o caso de um teclado desconfigurado. Porém, não se preocupe, estes problemas de configurações são fáceis de corrigir, nesse artigo nós vamos te mostrar como fazer isso. 

Muitos fatores podem levar a esse problema, como pressionar algumas teclas sem querer e acabar pressionando uma sequência que desconfigura o seu teclado. Há também a opção de um vírus infectar e acabar excluindo ou ocultando a linguagem padrão. 

Além disso, a limpeza, manutenção e até a escolha de um teclado mecânico influencia bastante na hora de ter ou não mais problemas com teclado desconfigurado.

Como configurar o teclado desconfigurado?

Dito isso, vamos abordar alguns possíveis problemas:

O seu teclado desconfigurado troca letras por números?

Esse é um problema bem comum, se você pressionar algumas teclas como e aparecerem números, é porque o Teclado Alfanumérico está configurado nestas letras em questão.

Para acabar com esse problema é questão, é bem simples: pressione a tecla Função “Fn” e aperte Numlock, prontinho, seu problema será resolvido. Se você usa um computador de mesa, seu teclado certamente possui a tecla Num Lock.

Teclado desconfigurado troca letras por símbolos ou por outras letras?

Pode ocorrer também a situação do teclado desconfigurado trocar letras por símbolos ou por outras letras, este problema normalmente é causado por um vírus, em casos mais raros um conflito do Sistema Operacional poderia causar perda de informações a ponto de eliminar o layout do seu teclado de seu computador. Porém, não se preocupe, vamos te ajudar a lidar com essa situação.

Primeiramente, verifique se o Layout do teclado selecionado no Windows está certo:

  • No canto inferior direito selecione a opção “ENG”. Se o seu teclado for com layout ABNT2, selecione a opção “PTB2”. Caso não seja, selecione a opção “INTL”.
  • Se essa opção não estiver aparecendo para você, basta acessar as configurações do seu teclado, digitar na barra de pesquisa “Linguagem” e entrar clicar.
  • Depois disso, selecione o idioma que o seu computador usa e clique em “opções”. 
  • O layout disponível pode não estar correto. Para adicionar um novo Layout para o seu teclado, basta clicar na opção “Adicionar um Teclado”.
  • Feito isso, uma lista vai aparecer, você vai encontrar a opção que seja compatível. Na maioria das vezes a opção certa vai ser “Estados Unidos – Internacional” ou “Português – Brasil ABNT2”.

Como configurar o teclado no Windows 10

  • Clique no botão de seleção de idioma localizado no canto inferior esquerdo da tela. Feito isso, vai aparecer um menu, selecione a opção “Preferencias de idioma”;
  • Na lista, selecione o idioma atual do seu computador e clique em “Opções”;
  • Dentro da janela selecione “Adicionar um teclado”, aparecerá outra  lista com opções, selecione a que você quer e clique em “ok”;
  • Por meio dessa aba, você também pode remover algum dos idiomas que já tenham sido configurados no seu teclado. Para isso, basta selecionar o idioma a ser removido e clicar em “remover”;
  • Você também pode alternar entre os teclados que estão configurados no seu teclado. Para isso, você precisará acessar o mesmo botão ao lado esquerdo do relógio do seu computador, o menu de seleção de idioma. Esse botão só aparece de forma fixa quando há mais de um idioma configurado no seu computador.

Como configurar o idioma do teclado desconfigurado?

  1. Pressione a tecla do logotipo Windows e a letra “L”; 
  2. Clique em Relógio e idioma;
  3. Clique em Região e idioma na lista à esquerda;
  4. Clique em Adicionar um idioma;
  5. Escolha o idioma que você quer.

Se um idioma não aparecer na lista, as fontes para esse idioma podem não estar instaladas. Siga as instruções:

  1. Clique em Iniciar e então Painel de Controle;
  2. No Painel de Controle, se você estiver no modo Category View clique em Alternar para modo Classic View;
  3. Abra Opções de Região e Idioma no Painel de Controle;
  4. Clique na barra Idiomas;
  5. Na barra Suporte suplementar de idioma, clique na caixa de seleção ao lado da coleção de idiomas aplicável;
  6. Clique em OK ou Aplicar. Você será solicitado a inserir um CD-ROM do Windows CD-ROM ou a indicar o local de rede onde os arquivos estão localizados. Depois que os arquivos forem instalados, você deverá reiniciar seu computador.

Você pode precisar fazer a substituição do teclado

  • Conecte um teclado externo pela porta USB do notebook e verifique se está funcionando. Desconecte o teclado externo e verifique se as teclas do notebook ainda não estão funcionando;
  • Desconecte o notebook da tomada e remova a bateria;
  • Remova o teclado do notebook como você fez no procedimento 2 da seção 2 removendo a dobradiça de plástico e a placa de energia, os parafusos do teclado e desconectando o cabo de dados do conector da placa mãe;
  • Substitua o teclado por um novo de acordo com o seu modelo de notebook.

Limpeza do teclado 

A limpeza do seu teclado deve ser feita, isso porque, a sujeira acumulada entre as teclas pode prejudicar o funcionamento, travando e quebrando as teclas. Além disso, sabia que também faz mal para a sua saúde? Sim, pois pode conter inúmeras bactérias. 

A limpeza pode ser feita com a utilização de pincéis ou cotonetes, que possuem alcance entre as teclas e podem remover as sujeiras não visíveis com mais eficácia. Utilize um pano levemente umedecido para limpar toda a estrutura do teclado e remover as sujeiras.

Siga os passos abaixo:

  • Desconecte o notebook da tomada e remova a bateria; 
  • Afine a ponta de um cotonete de algodão, tornando-a o mais fina possível rolando-a entre as pontas dos dedos. Molhe o cotonete de algodão fino no álcool e limpe as cavidades do teclado;
  • Vire delicadamente o notebook para um lado para que a poeira saia debaixo das letras e assopre; 
  • Reconecte o computador na energia.

Se algumas teclas estiverem travadas: 

  • Insira a parte plana da ponta da chave de fenda embaixo da tecla do teclado e gentilmente a force para cima e para fora para removê-la. Lembre-se de onde as teclas estão encaixadas para que possa facilmente substituí-las;
  • Remova três teclas de cada vez e limpe com um cotonete embebido em álcool. Substitua as teclas e remova mais três. Faça isso até o teclado inteiro ser limpo.

Use o teclado virtual para te ajudar! 

  • Clique em iniciar;
  • Selecione Configurações > Facilidadede Acesso > Teclado e acione a alternância em Usar o Teclado Na Tela.
  • Um teclado que poderá ser usado para se movimentar na tela e inserir texto aparecerá na tela. O teclado permanecerá na tela até que você o feche.

Mude a maneira como as informações são digitadas no Teclado Virtual

  • Usar som de clique. Use esta opção para ouvir um som ao pressionar uma tecla;
  • Mostrar teclas para facilitar a movimentação pela tela. Use esta opção para que as teclas se acendam enquanto você digita;
  • Ativar teclado numérico. Use esta opção para expandir o teclado virtual para mostrar um teclado numérico;
  • Clicar em teclas. Use este modo se preferir clicar ou tocar nas teclas virtuais para inserir texto;
  • Focalizar teclas. Use este modo para usar um mouse ou joystick para apontar para uma tecla;
  • Rastrear teclas. Use este modo para que o teclado virtual rastreie o teclado continuamente;
  • Usar a previsão de texto. Use esta opção para que o teclado virtual dê sugestões de palavras à medida que você digita, reduzindo a necessidade de digitar cada palavra completa.

Vale a pena apostar em um teclado mecânico?

Um dos primeiros aspectos que vem à cabeça quando falamos sobre teclados mecânicos é a sua durabilidade. Tudo bem que há vários exemplos de teclados de membrana que duraram cerca de 10 anos e que isso é uma durabilidade excelente, mas ao mesmo tempo também temos teclados mecânicos que estão funcionando perfeitamente após mais de 20 anos de uso e isso é um mérito e tanto.

Claro que também não é qualquer modelo que irá durar todo este tempo, será necessário investir um pouco mais em um modelo com switches de alta qualidade, keycaps que não desgastam com o tempo, soldas de boa qualidade, PCB com boa proteção dentre outras coisas. 

Além disso, podemos abordar também a parte do conforto, desde switches mais leves para causar menos fadiga nos dedos até o acabamento da textura superior do teclado, que dependendo do material pode dar uma sensação de produto de alta qualidade ou super barato.

Não há um medidor exato ou específico para falar sobre isso, cada pessoa tem um gosto diferente, e a modularidade dos teclados mecânicos faz com que produtos para quase todos os gostos sejam oferecidos, algo que com outros tipos de teclados não acontece.

Qual a diferença entre ABNT e ABNT2?

Antes de escolhermos o melhor teclado para a sua situação, você precisa ficar ciente de algumas diferenças entre os teclados, não são todos iguais. A maioria segue um padrão de teclas chamado QWERTY e esse design não é padrão mundial, apresentando algumas diferenças de acordo com o idioma do país.

  • AZERTY – Usado em países em que a língua francesa 
  • QUERTZ –  Usado em países em que a língua alemã.

O que determina as regras que devem ser seguidas nos designs vendidos no Brasil é a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas). Nelas, constam algumas regras: 

  • É preciso que seja incluída uma tecla para a letra “ç”;
  • Também é preciso que tenha para os símbolos de acentuação utilizados no país, como o acento circunflexo. Esse é o Português-BR (PT BR).

Porém, existem diferenças dentro dessas normas. A principal diferença entre ABNT e ABNT2, é a presença da tecla “Alt Gr”, que fica do lado direito da barra de espaço. A sua função é, quando mantida pressionada, aparecer alguns caracteres extras. Ela possibilita que números potenciais, por exemplo, sejam utilizados sem a necessidade de atalhos numéricos, como acontece no ABNT. 

Como escolher o teclado certo? 

  • Teclado comum ou para escritório: Assim como o seu nome sugere, este tipo de teclado é mais focado para produtividade e não traz nenhuma tecla extra ou atalhos para certos comandos;
  • Teclado multimídia: Também utilizado em alguns escritórios, esse tipo de teclado é destinado para quem procura atalhos na hora de executar uma música ou vídeo no computador. Com ele, por exemplo, você pode trocar de música sem ter que abrir a interface do programa onde ela está sendo reproduzida;
  • Teclado gamer: Esse tipo de teclado é destinado para quem joga no computador e geralmente traz alguns extras, como por exemplo, a possibilidade de usar macros nos jogos, backlight RGB (para trocar a cor da iluminação) e a tecnologia anti-ghosting, que lhe permite aperta mais de 4 teclas ao mesmo tempo, tendo todos os comandos registrados.
  • Teclado de membrana: O modelo mais comum de teclados vem com uma camada plástica por baixo das teclas para acionar os contatos. Apesar de ser o modelo mais barato, alguns teclados podem não reconhecer certas combinações de teclas sendo pressionadas simultaneamente;
  • Teclado com switch mecânico – Diferente do teclado de membrana, cada tecla possui um switch, que funciona como uma chave individual. Assim, a pessoa pode apertar qualquer combinação de teclas sem se preocupar. Além dessa vantagem, o teclado mecânico oferece um tempo de resposta menor e a sua resposta tátil é mais clara;
  • Teclado com switch óptico – Esse tipo de switch é bem similar ao mecânico, sendo que a sua principal diferença fica para a peça que faz a ativação do comando, que é capaz de enviar um sinal mais limpo.

Espero que esse texto tenha te ajudado a ficar um pouco mais calmo em relação ao seu teclado desconfigurado. Além disso, que as informações sobre vantagens nos mais diversos tipos de teclado, manutenção e limpeza, tenham sido úteis.