Xbox Boss, Phil Spencer, no ZeniMax Deal: “Nosso plano é deixá-lo sozinho”

Xbox Boss, Phil Spencer, no ZeniMax Deal: “Nosso plano é deixá-lo sozinho”

21 de September, 2020 0 By António César de Andrade

Uma das maiores notícias de jogos de 2020 apareceu esta semana quando a Microsoft anunciou que compraria o ZeniMax por US $ 7,5 bilhões. As pessoas, compreensivelmente, têm muitas perguntas sobre o negócio e, em particular, o que ele pode significar para o futuro da ZeniMax e sua subsidiária, Fallout and Elder Scrolls, editora Bethesda.

O chefe do Xbox, Phil Spencer, apareceu recentemente na CNBC para discutir o negócio. Questionado diretamente se a Microsoft faria algum corte na empresa, Spencer respondeu: “Nosso plano é deixar isso como está”.

“O ZeniMax tem um histórico incrível de construir grandes jogos. Nosso objetivo é fazer do ZeniMax o melhor ZeniMax que eles podem ser”, acrescentou Spencer. “Trabalhar individualmente com seus estúdios na excelente tecnologia de plataforma que temos e obter o feedback de seus criadores sobre as coisas que precisamos construir, isso é apenas um mecanismo crítico para nós.”

Também na entrevista, Spencer foi questionado sobre o que poderia acontecer com Deathloop e Ghostwire: Tokyo da Bethesda, ambos com acordos para o PlayStation 5. Ele sugeriu que esses acordos permanecerão intactos como estão.

“Os compromissos que já assumimos com os jogadores, para os jogos que as pessoas conhecem, continuaremos com esses compromissos”, disse Spencer.

A aquisição do ZeniMax pela Microsoft surgiu do nada. Com o acordo, a Microsoft obtém todas as propriedades da ZeniMax, incluindo Fallout, The Elder Scrolls e Doom, bem como todos os estúdios. Você pode verificar o resumo do GameSpot de todos os jogos e estúdios que a Microsoft possui agora.

Tocando agora: Microsoft adquire Bethesda – GS News Update

Click to rate this post!
[Total: 0 Average: 0]