Departamento de Estado alerta contra viagens de navios de cruzeiro por risco de coronavírus


O Departamento de Estado dos EUA emitiu um alerta no domingo pedindo aos cidadãos dos EUA “particularmente viajantes com condições de saúde subjacentes” que não viajem de navio de cruzeiro devido ao risco de infecção por coronavírus. O alerta ocorre quando 21 pessoas no navio de cruzeiro Grand Princess, na costa da Califórnia, testaram positivo para o coronavírus, de acordo com o New York Times.

O alerta do Departamento de Estado diz que muitos países adotaram rigorosos protocolos de triagem que negavam a entrada em navios e impediam o desembarque de passageiros, tudo para tentar conter a disseminação do COVID-19, a doença causada pelo coronavírus.

“Embora o governo dos EUA tenha evacuado alguns passageiros de navios de cruzeiro nas últimas semanas, os voos de repatriação não devem ser considerados uma opção para os cidadãos dos EUA sob o risco potencial de quarentena pelas autoridades locais”, afirma o alerta.

O navio de cruzeiro Grand Princess atracará no porto de Oakland, Califórnia, na segunda-feira, Bloomberg relatórios. Autoridades do governo Trump disseram que os passageiros ficarão em quarentena, com aqueles que estão recebendo tratamento médico em hospitais da região.

O presidente Trump disse na sexta-feira que prefere que os passageiros fiquem a bordo do navio. “Não preciso duplicar os números por causa de um navio que não foi nossa culpa”, disse o presidente a repórteres em entrevista coletiva no Centers for Disease Control, em Atlanta.



Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *