Os prós e contras do Web design responsivo em 2023

O web design responsivo tem sido um sucesso tão grande para muitos web designers que geralmente é visto como a abordagem padrão para criar um site, mas não é tão simples assim.

Há muitos fatores diferentes a serem considerados ao decidir se deve ou não usar uma abordagem responsiva para projetar seus sites, como orçamento, cronograma e público.

Nesta postagem de blog, avaliaremos os prós e os contras do web design responsivo para ajudá-lo a tomar uma decisão informada.

O que é Web Design Responsivo?

Resumindo, o web design responsivo (RWD) é uma abordagem moderna para projetar sites que permite que o site responda de forma inteligente ao dispositivo no qual está sendo visualizado.

O RWD usa técnicas como consultas de mídia e unidades relativas para criar um design flexível que pode aumentar ou diminuir dependendo do tamanho da tela. Ao invés de ter várias versões para mobile e desktop, como costumava acontecer, este tipo de web design oferece uma solução tudo-em-um com um layout flexível que pode se adaptar a vários cenários.

O RWD é frequentemente confundido com o web design mobile-first, em primeiro lugar porque o mobile-first é uma técnica crucial de fluxos de trabalho responsivos e, em segundo lugar, porque o RWD cresceu em popularidade à medida que o número de usuários de dispositivos móveis visualizavam a web. No entanto, você pode ter um site mobile-first que não seja responsivo.

O web design responsivo essencialmente elimina a necessidade de ter versões separadas de sites para dispositivos móveis e desktop.

Os Prós do Web Design Responsivo

Existem prós aparentemente infinitos para web design responsivo.

  • UX amigável: RWD é excelente para responder às necessidades dos usuários. Ele permite que os usuários acessem seu site em qualquer dispositivo, para que não precisem trocar de dispositivo. Também permite alcançar clientes que não possuem computador e utilizam apenas um dispositivo móvel como o celular.
  • SEO amigável: O RWD é bom para SEO (Search Engine Optimization) porque ajuda as pessoas a encontrar seu site em diferentes dispositivos, como telefones e computadores. Além disso, como você não precisa manter versões separadas de seu site para celular e computador, é menos provável que o Google penalize seu site por conteúdo duplicado.
  • Custo-beneficio: O RWD pode economizar muito tempo e dinheiro na criação de várias versões do mesmo site. Além disso, o web design responsivo permite que você mantenha um site em vez de vários, o que reduz os custos de manutenção e hospedagem.
  • À prova de futuro: À medida que a tecnologia continua a evoluir, os sites criados de forma responsiva poderão se adaptar rapidamente e acompanhar as mudanças. Isso significa que, com um web design responsivo, seu site não ficará obsoleto tão rapidamente.

Os Contras do Web Design Responsivo

Embora haja benefícios consideráveis ​​em uma abordagem responsiva para criar seus sites, há algumas desvantagens que é importante considerar.

  • Somente front-end: A maior falha do RWD é que ele é apenas uma abordagem de front-end. Isso significa que, embora você possa alterar o layout do seu site, não pode alterar o conteúdo real usando técnicas responsivas.
  • Restrições de projeto: Por mais inteligente que o RWD possa ser, alguns elementos de design não se traduzem em tamanhos de tela diferentes; os menus podem ser particularmente difíceis. Você pode achar que deve comprometer sua visão para tornar um site responsivo.
  • Maior tempo de desenvolvimento: A criação de um site responsivo pode levar muito mais tempo do que a criação de duas versões (uma para celular e outra para computador), por isso é importante levar em consideração o tempo de desenvolvimento adicional ao considerar o RWD.
  • Problemas de desempenho: O RWD usa código para adaptar o design a diferentes viewports. Esse código aumenta a carga útil do site e, se não for gerenciado com cuidado, pode afetar o desempenho do site.

O design da Web responsivo vale o esforço?

Para a grande maioria dos sites, o RWD é uma abordagem prática para criar um site. Aumenta o número de usuários que você consegue atrair e garante que, quando eles chegarem, seus usuários tenham uma experiência melhor. O RWD também melhora a classificação do seu mecanismo de pesquisa.

No entanto, existem alguns casos em que o RWD não é a escolha certa. Por exemplo, se você precisar fornecer conteúdo diferente para dispositivos móveis e para computadores, precisará de sites separados para cada tipo de dispositivo.

Dicas para web design responsivo

Se você escolher uma abordagem RWD, poderá fazer algumas coisas para atenuar as desvantagens e garantir que seu site tenha o desempenho esperado.

  • Projete para várias viewports antecipadamente: Crie designs diferentes para cada tamanho significativo de viewport. Certifique-se de saber como o design deve mudar em tamanhos diferentes, para que você não seja forçado a adaptar o design à medida que o constrói.
  • Escolha mobile-first: Adote uma abordagem mobile-first projetando a versão mobile de seu site antes da versão desktop; é mais fácil dimensionar um projeto do que reduzi-lo.
  • Limitar consultas de mídia: As consultas de mídia são ótimas para adaptar um design, mas levam rapidamente ao inchaço do código. Em vez disso, confie nas unidades relativas tanto quanto possível e reserve consultas de mídia para mudanças essenciais.
  • Teste extensivamente: O teste é essencial para o web design responsivo. Você deve visualizar seu site finalizado em tantos dispositivos quanto possível para saber como seus usuários o verão.

Conclusão

O web design responsivo pode ser uma excelente escolha para a maioria dos sites, pois permite criar uma experiência otimizada para diferentes dispositivos sem a necessidade de versões separadas do seu site.

No entanto, existem algumas desvantagens do RWD que também devem ser levadas em consideração antes de tomar uma decisão. É importante considerar quanto tempo e esforço serão gastos na criação de um site responsivo, se você tem ou não conteúdo que deve variar entre usuários de dispositivos móveis e computadores e se pode haver algum problema de desempenho.

Ao seguir as práticas recomendadas, como adotar uma abordagem voltada para dispositivos móveis e gastar mais tempo na fase de design para garantir que você tenha layouts preparados para várias janelas de visualização, você pode garantir que seu site tenha uma ótima aparência em todos os dispositivos, evitando possíveis armadilhas associadas ao RWD.

Imagem em destaque por vectorjuice no Freepik

Com informações de WebDesigner Depot.