Nomes para loja virtual

Nomes para loja virtual: veja 30 ideias para começar a sua!

Nos dias de hoje, é fundamental ter uma loja virtual ou algum tipo de suporte virtual para os clientes. Diferente de uma loja física, a loja virtual funciona 24 horas por dia, ou seja, ela nunca fecha e sempre está ali para os compradores.

É uma ótima opção para os clientes que querem comprar em horários alternativos e também para o empreendedor que continuará vendendo o seu produto, mesmo não trabalhando naquele momento. Ainda mais agora, no mundo pós pandêmico em que todos tiveram de se adaptar e o modo online ganhou ainda mais força e presença. Se adaptar em momentos de crise nunca foi tão fundamental.

30 ideias de nomes para loja virtual

Depois de todas as nossas dicas, avaliações de sites e ideias para você construir e nomear o seu negócio, aqui estão alguns nomes de inspiração para você criar o nome ideal para a sua loja virtual e satisfazer suas necessidades criativas. Mas lembre-se, seja autêntico e se inspire: 

  1. Store para todos;
  2. Ana Produtos
  3. Importados Express
  4. Express Games
  5. Tudo Games
  6. Maravilha Web Store
  7. Conecta
  8. Gama Importados
  9. Magazine Store
  10. Doce Encanto
  11. Player Conectado
  12. Contemporânea
  13.  João Club
  14. Empório Conectado
  15. Pop Store
  16. Nerd Conectado
  17. Universo Player
  18. Azul Royal
  19. Acessórios na Web
  20. Estilo para Todos
  21. Stillus
  22. Campo Digital
  23. Beta Utensílios;
  24. Big Variedades;
  25. Cenário Variedades;
  26. Divina Opção;
  27. Ideal Variedades;
  28. Império das Variedades;
  29. Infinity.
  30.  SNAP! 

Como escolher o nome da minha loja virtual?

Como escolher o nome da minha loja virtual

O nome da loja é sempre uma das primeiras coisas a serem pensadas quando se trata de um negócio. Porém, não é uma tarefa fácil e necessita ser bem pensada. Nem todo mundo possui criatividade para essa escolha, ainda mais nomes que atendam às exigências do empreendedor e às expectativas dos consumidores. Pensando nisso, listamos algumas dicas para você desenvolver o melhor nome para o seu negócio: 

  • Não se limite para escolher o nome: evite escolher nomes que não permitam que o seu negócio seja ampliado para novos produtos. Evite também nome de cidades, bairros, etc, para não te atrapalhar geograficamente.
  • Verifique os concorrentes: Vale a pena verificar a concorrência e conhecer os tipos de nomes que estão sendo utilizados. Avalie também o impacto que esses nomes causam no negócio. É possível identificar fórmulas de sucesso.
  • Pense em seu público alvo: É importante conhecer seu público alvo e o que se pretende conquistar com eles. Sabendo quem é o seu público, fica mais fácil pensar em um nome que o atraia. Certos públicos preferem nomes mais divertidos, enquanto outros algo mais objetivo e impessoal. Depende muito.
  • Escolha nomes fáceis: Um nome fácil e curto tem a ver com a facilidade que ele será lembrado. Mas não adianta nada pensar em um com poucas letras, mas que mesmo assim gere dificuldades.
  • Faça brainstorming: Brainstorming é a famosa tempestade de ideias. Para isso, escreva todas as palavras que você acredita que tenham a ver com a sua loja. Escreva o máximo que conseguir, mesmo que elas não se encaixem. Depois de escrever tudo isso, peneire os nomes que mais combinam com o que você deseja, exclua os nomes longos e utilize de todas as nossas dicas para conseguir encontrar o melhor nome para você. Com as palavras que sobraram, combine-as e tente juntá-las de uma forma que fique agradável e com certeza você terá uma ótima opção para sua loja.
  • Seja original: Pode parecer uma dica óbvia, mas esse é o ponto mais importante para uma marca de sucesso. É muito importante tirar ideias de outros negócios, mas copiar não é algo que vai passar despercebido. Estude o público, busque ideias, tenha brainstormings e encontre algo seu e que te identifique de alguma maneira. 
  • Registre a sua escolha: Essa é uma etapa muito importante no seu processo de criação. Após escolher o nome ideal para a sua loja, registre-o e fique sem preocupações para utilizá-lo ou possibilitar que outras pessoas se apossem dele. O registro é feito no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e vale por 10 anos, após o pagamento da taxa. Porém, você só poderá fazer o registro se ele for inédito. Então faça uma pesquisa antes para saber se ninguém teve a mesma ideia que você. Caso o nome já seja utilizado, volte ao brainstorming até conseguir encontrar algo que satisfaça todos os âmbitos e que não plagie ninguém. 

As vantagens e facilidades adicionais das lojas virtuais

Além desses pontos positivos que citamos anteriormente, ainda temos mais um deles: o fato da loja conseguir vender para todos os lugares do país. Com a loja virtual, tudo que você precisa é de um endereço e todos que o acessarem vão conseguir ver os produtos. Ou seja, não há a necessidade de abrir vários pontos físicos para que os clientes possam ir até a sua loja. Há também a possibilidade de integração da sua loja às demais redes sociais mais utilizadas pelos usuários: Instagram, Facebook, Twitter. Essa é uma ótima opção para dialogar e ficar cada vez mais perto do seu público, o entendendo. 

No Whatsapp, você pode trocar mensagens e tirar dúvidas de seus clientes de uma forma mais prática, através de um link gerado por você mesmo. Rápido e simples, logo mais você – ou um bot – estará conversando com o seu cliente. Além disso, por lá, você pode divulgar as novidades e promoções que estão rolando no seu negócio. As demais redes sociais são uma boa forma de fazer publicações chamativas, lives e interagir da forma que achar necessário com o seu comprador. A criatividade fica a cargo do empreendedor. O legal é poder saber como seu cliente se sente e se ele está interagindo com o seu conteúdo. 

As lojas virtuais exigem bem menos do que uma loja física, muito disso pela condição de que o site faz tudo que uma pessoa faria pessoalmente. Por exemplo, em uma loja de games e eletrônicos, um atendente tem que ajudar várias pessoas às quais estiverem interessadas em conhecer mais daquele produto. Se o atendente não for capacitado para essa venda, o consumidor pode acabar optando por outro lugar.

Na loja virtual, todos os produtos já vem com descrições que vão sanar as dúvidas do consumidor. Além de que uma loja física exige aluguel, reforma, manutenção e cuidados, pontos que você jamais irá se preocupar em uma loja online. Os custos estão cada vez mais elevados. É óbvio que uma loja virtual também tem seus custos e necessitam de investimento, mas esses são muito menores em comparação a uma loja física. 

Quais os sites para criar uma loja virtual?

Além de dicas para arrasar no nome da sua loja virtual, ainda separamos alguns sites para te ajudar a criar ela:

Nuvemshop 

Nuvemshop

Outra plataforma de ótimo desempenho é a Nuvemshop. Com ela, é possível personalizar sua loja virtual usando mais de 40 modelos profissionais. A Nuvemshop oferece páginas de categorias, ferramentas de busca de produtos com filtros, produtos relacionados para cross selling, cálculo automático de frete disponível já no carrinho de compras e muito mais.

Além disso, eles oferecem uma ótima solução de logística e entrega de mercadorias, muitas ferramentas de marketing digital e um aplicativo mobile que permite acompanhar todo o seu site através de dispositivos móveis. 

Wix

Wix

O Wix é um dos sites mais conhecidos, é uma das plataformas de ecommerce e CMS mais utilizadas pelos usuários da internet. Ela é indicada para empresas de qualquer porte e se destaca como um dos melhores ambientes para construir seu ambiente digital.

Ele conta com ferramentas de gestão de produtos e controle de estoque, modelos de sites modernos e altamente personalizáveis. Aqui estão algumas das principais funções do Wix:

  • Plataforma de ecommerce completa: venda em diversos canais e gerencie sua loja em um painel integrado;
  • Loja virtual profissional, com excelente experiência de vitrine virtual para seus clientes;
  • Soluções de pagamento avançadas para facilitar o check out;
  • Design moderno e soluções profissionais para otimizar seu potencial de venda.

Shopify

Shopify

A Shopify também é uma ótima plataforma para criar sua loja virtual. Ela já possui mais de 1,7 milhões de negócios criados pelo mundo. Lá, você tem a possibilidade de personalizar o layout da sua página da maneira que você preferir, além de recursos de carrinhos de compras e check-out.

Outros recursos oferecidos pelo Shopify é o painel de gerenciamento, hospedagem de altíssima qualidade e seu próprio aplicativo para dispositivos móveis que permite gerenciar a sua loja virtual de qualquer lugar. Além disso, a plataforma consegue te ajudar a criar o melhor nome para a sua empresa, com um modelo de gerador de nomes e verificar a disponibilidade do nome. 

Como fazer um bom atendimento?

Como fazer um bom atendimento

Separamos algumas dicas para você mandar bem no atendimento online e fazer com que seu cliente sempre volte a procurar seus produtos:

  • Ofereça uma loja fácil de navegar: uma loja fácil faz com que seu cliente encontre seus produtos facilmente e não se perca durante o processo.
  • Utilize promoções: Não há nada que os clientes gostam mais do que uma boa promoção. Ofereça descontos para a primeira compra, promoções de datas comemorativas, fidelização do cliente etc.
  • Invista em fotos profissionais dos seus produtos: um produto bem fotografado, consegue transparecer para os seus clientes a qualidade dele e dá um ar de profissionalismo ao negócio.
  • Ofereça opções de pagamento facilitadas: parcelamento, desconto no boleto, vouchers, cupons de desconto e principalmente o famoso pix, que facilita a vida de todos pela rapidez com que ele funciona.
  • Humanize seu atendimento: tenha um chat online disponível para pronto atendimento; nada melhor em um atendimento do que ver que o vendedor se importa com o que o cliente realmente pensa e precisa. Por isso, se disponibilize para que o cliente possa tirar dúvidas e te contatar sempre que necessário.
  • Forneça opções de contato: Deixe disponível um número de WhatsApp para que seu cliente possa ser atendido caso tenha alguma dúvida.
  • Integre sua loja às redes sociais:  Assim como já dissemos, é muito importante interagir de todas as formas com o seu cliente e fazer com que ele se identifique com aquilo que você está vendendo. Por isso, deixe sempre os links de seu Facebook, Instagram etc, para que os clientes vejam outros tipos de publicações, além de seus produtos. 
  • Ofereça boas opções de trocas: Esse modelo é bastante utilizado em lojas de roupas, por exemplo, mas dá para ser adaptado de acordo com o seu negócio. É muito comum que clientes comprem um produto errado, ou então que o produto não sirva para aquilo que ele precisa. Por isso, é sempre bom ter uma boa troca de produtos. A melhor delas é a troca grátis. 
  • Peça apenas os dados necessários: Muitos consumidores se assustam com lojas que pedem informações suspeitas ou desnecessárias para a compra de um produto, além de que poucos têm paciência de ficar preenchendo tanta informação só para fazer uma simples compra. Na hora do cadastro, colete apenas os dados necessários para a compra do cliente. 
  • Passe segurança: Na hora de fazer uma compra online, o que os clientes mais prezam é pela segurança, afinal, eles estão confiando em imagens e palavras de redes sociais e de uma empresa que eles jamais viram com os próprios olhos. Além disso, muitos sites podem trazer vírus e malwares para um dispositivo. Por isso, sempre deixe claro que aquele é um site que não irá trazer malefícios ao dispositivo do comprador.
  • Pergunte ao seu cliente como foi a experiência: Para você saber como seu negócio está fluindo e se o cliente está realmente gostando daquilo que está disponibilizado, o único jeito é perguntar a ele. Faça perguntas de avaliações de notas (geralmente de 0 a 5), para saber qual a satisfação dele com a compra e com o atendimento. Faça isso através de emails ou com landing pages, fica ao seu critério.
  • Faça o pós-venda. Depois que seu cliente receber o produto, pergunte se o produto chegou em bom estado, se chegou no prazo e se ele gostou. Não há nada mais legal do que saber que o vendedor está se importando com a satisfação do cliente e oferecendo toda a ajuda e o suporte necessário, afinal, o cliente está pagando por aquilo. 

Veja também:

Avalie este post

Clique nas estrelas

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 1

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.