Cyberpunk 2077 ação coletiva pode ser resolvida fora do tribunal

O desenvolvedor do Cyberpunk 2077, o CD Projekt Red, forneceu uma atualização sobre os processos judiciais em andamento em torno da ação coletiva em que se viu envolvido após o lançamento do jogo.

O processo, levado aos tribunais dos Estados Unidos por acionistas públicos que consideraram que o estúdio não havia revelado o mau estado do jogo antes do lançamento, foi adiado enquanto as partes envolvidas discutem um possível acordo. A atualização, fornecida pela CD Projekt Red, não indica a totalidade da indenização pretendida pela ação nem implica em qual seria o acordo extrajudicial.

XBOX em Oferta

Tocando agora: Joguei Cyberpunk 2077 7 meses depois

A atualização também deixa claro que um acordo não significa que o estúdio aceite as reclamações apresentadas pelos acionistas. “A decisão de aprovar o acordo e permitir sua implementação será emitida pelo Tribunal uma vez que certas condições formais adicionais sejam satisfeitas”, conclui a declaração.

O Cyberpunk 2077 foi lançado em dezembro de 2020 com vários problemas em todas as plataformas, com o CD Projekt Red gastando muito em 2021 emitindo patches para melhorar a estabilidade do jogo. A Sony decidiu remover o jogo inteiramente da PSN por mais de seis meses, reintegrando-o em junho. As atualizações do PS5 e do Xbox Series S | X para o jogo eram esperadas este ano, mas desde então foram adiadas para o primeiro trimestre de 2022.

Cibersistemas pode receber uma comissão de ofertas de varejo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *