O produtor de Final Fantasy XVI, Naoki Yoshida, revelou que o jogo originalmente tinha uma versão para PlayStation 4 junto com a versão para PlayStation 5.

Shuhei Yoshida, do PlayStation, conduziu uma entrevista com Yoshida no canal The AIAS Game Maker’s Notebook no YouTube sobre o desenvolvimento de Final Fantasy XVI. Yoshida disse: “Originalmente, esperávamos ter um lançamento multiplataforma no PlayStation 4 também. E, até certo ponto, os recursos estavam levando o PlayStation 4 ao seu limite absoluto.”

Ele continuou: “Mas no final, a série Final Fantasy tem um certo nível de fidelidade gráfica que se espera dela, e quando tentamos eliminar basicamente todo o carregamento na versão PS4, houve certas partes em que tivemos que reduzir a qualidade. para um ponto inferior [Final Fantasy] XV.”

A equipe de desenvolvimento queria criar a melhor experiência de história possível, portanto, não ter tempos de carregamento era uma prioridade. Yoshida sugeriu que a versão PS4 fosse abandonada e a Square Enix aprovada. Ele também disse que sem os recursos de hardware do PS5, a equipe de desenvolvimento ainda estaria tentando descobrir como o jogo seria finalizado.

Final Fantasy XVI é atualmente um console exclusivo para PlayStation 5, mas uma versão para PC está em desenvolvimento. Seu primeiro DLC, Echoes of the Fallen, foi lançado no mês passado. O segundo DLC, The Rising Tide, está programado para ser lançado ainda este ano.

Na análise de Final Fantasy XVI da site, dissemos: “FFXVI é uma mudança ousada tanto na jogabilidade quanto na narrativa, mas captura a magia de Final Fantasy de uma forma impressionante, ganhando um lugar no panteão de entradas incríveis na amada franquia.”

Com informações de Pro Gamers e Game Spot.