Justin Lin, ex-diretor de Fast X, vai dirigir adaptação de mangá de One Punch Man

Início » Games » Justin Lin, ex-diretor de Fast X, vai dirigir adaptação de mangá de One Punch Man

Como foi bem divulgado no início deste ano, o diretor Justin Lin saiu abruptamente do Fast X uma semana de produção em abril de 2022. Não demorou muito para ele conseguir um novo show – de acordo com o Deadline, Lin deve dirigir um filme ao vivo. adaptação de ação da popular série de mangá One Punch Man para a Sony Pictures.

One Punch Man começou a vida como um webcomic em 2009 pelo artista japonês ONE, rapidamente ganhando sucesso suficiente para também se tornar um mangá e mais tarde uma série de anime para TV. (Um console e um jogo para celular seguiram mais tarde.) Lin fará parceria com Avi Arad e Ari Arad da Arad Productions (série de filmes Homem-Aranha, série de filmes X-Men) na adaptação.

A série segue a história de Saitama, um perdedor infeliz que descobre um regime de treino incrível que o torna um super-herói invencível que pode literalmente derrotar qualquer oponente com um único soco. Como One Punch Man, Saitama se vê simultaneamente entediado pela falta de qualquer desafio legítimo à sua força – e também desinteressado pela Hero Association, que o recrutou para ajudar a proteger a Terra contra todos que desejam destruí-la.

Citando fontes não identificadas, o Deadline está indicando que a Sony Pictures está interessada em transformar One Punch Man em uma franquia viável.

Em notícias relacionadas à adaptação de mangá, foi relatado em maio de 2022 que a Bad Robot – empresa de produção de JJ Abrams – está trabalhando para adaptar uma versão da série live-action e “de volta ao básico” de Speed ​​Racer.

Os produtos discutidos aqui foram escolhidos independentemente por nossos editores. A Cibersistemas pode receber uma parte da receita se você comprar qualquer coisa apresentada em nosso site.

Via Game Spot. Post traduzido e adaptado pelo Cibersistemas.pt

Avalie este post

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *