Programador dá jogo de Tetris para NES “Hard Drop” após três décadas

Uma das versões mais reconhecíveis de Tetris pode ser encontrada no NES original, mas faltam alguns dos recursos que agora consideramos padrão para o jogo de quebra-cabeça. Uma das maiores omissões é “queda brusca”, que permite economizar um tempo precioso ao colocar instantaneamente uma peça na posição sem esperar que ela caia, e o programador Stephen Sherratt se encarregou de fazer o recurso funcionar na versão clássica do NES, complete com uma peça “fantasma” para orientação.

Como ele explicou em seu site Grid Bugs, Sherratt decidiu adicionar dois recursos relacionados ao jogo NES Tetris. O primeiro é a queda brusca em si, realizada pressionando o botão direcional como é feito na maioria dos outros jogos de Tetris. A segunda modificação que ele fez adicionou um contorno da peça atualmente controlada onde quer que ela fosse colocada para pousar, tornando a queda bruta mais precisa. Novamente, esse é um recurso visto em praticamente todos os jogos de Tetris modernos, como Tetris 99 e Tetris Effect. No vídeo de desafio abaixo, um jogador largou com força todas as peças que conseguiu no Tetris 99.

Sherratt fez uso de um programa usando a linguagem de programação Rust e, combinado com seu próprio emulador de NES, tornou mais fácil para ele experimentar as mudanças. Ele teve que escrever instruções para a “peça fantasma” delineada, por exemplo, para que aparecesse no local correto com base em quantos movimentos seriam necessários antes que a peça real colidisse com algo.

Depois de adicionar a funcionalidade de queda brusca e resolver um problema que parecia causar um pequeno atraso com base na velocidade do relógio do jogo, ele o fez funcionar corretamente. Sherratt poderia ter acabado de jogar uma versão um pouco mais recente do Tetris e ter tido uma experiência muito semelhante? Sim, mas é legal ver um jogo com várias décadas passar por uma mudança fundamental em sua mecânica. Outros adicionaram hard drop via modding no passado, mas pelo que pudemos encontrar, nenhum incluiu a peça fantasma antes.

Tetris no NES foi um dos três jogos incluídos no cartucho do Nintendo World Championships, com os outros dois sendo Super Mario Bros. e Rad Racer. Esses cartuchos foram criados para uso na competição de mesmo nome em 1990, e sua raridade os tornou itens colecionáveis ​​extremamente caros. No momento em que este livro foi escrito, alguém estava tentando vender uma variante de ouro – doada originalmente via Nintendo Power – por US $ 1 milhão.

Cibersistemas pode receber uma comissão de ofertas de varejo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *