PSA: Campanha CrossfireX, destinada ao Xbox Game Pass, está atualmente bloqueada por trás do Paywall

Início » Games » PSA: Campanha CrossfireX, destinada ao Xbox Game Pass, está atualmente bloqueada por trás do Paywall

CrossfireX chega aos consoles Xbox hoje, mas a campanha CrossfireX que deveria estar no Xbox Game Pass ainda não está aparecendo para os assinantes. A campanha é dividida em duas partes; Operation Catalyst, o primeiro desses modos de história, é o destinado ao Game Pass, mas desde que o jogo foi lançado há várias horas, essa campanha ficou presa atrás de um paywall.

A razão para isso não é clara, mas certamente não é intencional. Operation Spectre é a segunda campanha que todos os jogadores, incluindo assinantes do Game Pass, precisarão comprar como parte do Ultimate Package do jogo, caso queiram jogar todo o conteúdo da história, mas a Operation Catalyst é destinada ao Game Pass e não aparece como de ainda. A história foi desenvolvida em parceria com a Remedy, criadora de Control e Alan Wake, então houve algum interesse antes do lançamento.

O CrossfireX, muitas vezes atrasado, estreou em um estado abaixo da média.
O CrossfireX, muitas vezes atrasado, estreou em um estado abaixo da média.

Enquanto isso, se você não tiver o Game Pass (ou se tiver, mas estiver ansioso para jogar), poderá obter acesso ao Operation Catalyst por US $ 10 (US $ 9 para assinantes do Game Pass) ou como parte do Ultimate do jogo. Pacote também, juntamente com o passe de batalha premium da 1ª temporada e a segunda campanha. Esse pacote completo é vendido por US$ 30 (US$ 25 para assinantes do Game Pass). Para total clareza, veja como tudo deve ser resolvido assim que os problemas da vitrine forem resolvidos:

  • Multijogador CrossfireX: Free-to-play para todos; complementos opcionais incluem passes de batalha gratuitos e premium
  • Campanha CrossfireX Operation Catalyst: Incluída na assinatura do Game Pass ou vendida separadamente (US$ 10)
  • Campanha CrossfireX Operation Spectre: Exclusivo para CrossfireX Ultimate Package ($ 30)

No entanto, os assinantes do Game Pass podem querer esperar que o problema da campanha CrossfireX se resolva, já que as primeiras impressões do multiplayer e da campanha free-to-play do jogo não foram favoráveis. Isso se deve em parte a um lançamento com erros, com jogadores relatando problemas com deslizamento, anúncios, acesso a skins obtidas ao jogar na versão beta e muito mais. Com um pouco de paciência, os jogadores em breve poderão conferir a primeira campanha do jogo sem nenhum custo adicional e decidir se o resto também vale a pena.

A Cibersistemas pode receber uma comissão de ofertas de varejo.

Via Game Spot. Publicação traduzida automaticamente para o Português. Veja o artigo original

Avalie este post

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *