Facebook permitirá que você transforme seus clipes de jogo em bobinas

Início » Tecnologia » Facebook permitirá que você transforme seus clipes de jogo em bobinas

Não estávamos exagerando quando notamos recentemente que as plataformas de mídia social do Meta estão se tornando mais parecidas com o TikTok, chegando ao ponto de adicionar novos recursos para se assemelhar a ele. Agora, o Facebook Gaming lançou o recurso Clips to Reels, que permitirá que os criadores de conteúdo, como o nome sugere, transformem seus clipes de jogo ao vivo em Reels.

A Meta anunciou pela primeira vez o recurso Clips to Reels no mês passado, dando aos criadores de conteúdo no Facebook as ferramentas para reduzir seus vídeos longos para 60 segundos no Estúdio de Criação no PC. O Facebook Gaming anunciou na quarta-feira que o novo recurso está disponível para parceiros e criadores de nível superior.

Jogos do Facebook

Com o Clips to Reels, os criadores de conteúdo de jogos podem editar seus clipes transmitidos para ajustar o jogo e a câmera de rosto em um formato vertical para que os espectadores vejam no celular. No PC, os espectadores podem ver as imagens de gameplay do streamer de Fortnite ou Apex Legends, por exemplo, em exibição total enquanto a câmera facial está no canto inferior esquerdo da tela. Os criadores de conteúdo podem simplesmente colocar a câmera de rosto na parte superior e as imagens do jogo na parte inferior para converter o clipe de jogo em um Reel mais eficaz.

A Biblioteca de clipes do Estúdio de Criação ajuda os criadores de conteúdo a simplificar o processo, permitindo que eles cortem os clipes para atender ao requisito de comprimento dos rolos e corte seções deles para possibilitar as visualizações duplas. Então, quando eles estiverem prontos para compartilhá-lo com o mundo, eles podem deixar o Reel como está com o áudio original e visualização desobstruída, ou podem adicionar músicas, adesivos e/ou GIFs. Eles teriam que baixar o Reel completo e reenviá-lo para o Facebook e Instagram para fazer isso.











Com informações de Digital Trends.

Avalie este post

Clique nas estrelas

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *