Nintendo vence luta de patentes contra empresa que processou o Switch


A Nintendo saiu triunfante em uma disputa de patentes com o desenvolvedor de hardware Gamevice, que inicialmente processou a Nintendo por supostamente violar uma patente de seu dispositivo de jogo, o Wikipad.

O Conselho de Pesquisa e Apelação de Patentes invalidou a maioria das reivindicações da patente da Gamevice, de acordo com o site do Escritório de Marcas e Patentes dos Estados Unidos. De acordo com o conselho, a Nintendo mostrou evidências substanciais de que as alegações de Gamevice eram “não patenteáveis”.

Antes da disputa de patentes, Gamevice entrou com dois processos separados contra a Nintendo. O primeiro foi aberto em agosto de 2017, alegando que o Switch era muito semelhante ao Wikipedia de Gamevice, embora o processo tenha sido julgado alguns meses depois. A Gamevice voltaria a mirar na Nintendo em março de 2018, ao mesmo tempo em que solicitava à Comissão de Comércio Internacional dos EUA investigar os controladores Joy-Con da Nintendo. No entanto, a agência descobriu que o Joy-Con não violou as propriedades da empresa e concluiu a investigação em outubro passado.

A Gamevice obteve originalmente a patente em questão em 2015, intitulada “Combination Computing Device and Game Controller”. A patente descreve um produto que combina um dispositivo de computação e um controlador de jogo, Gamevice disse que era semelhante ao O popular sistema híbrido de jogos da Nintendo. Embora ambos os produtos pareçam semelhantes, existem algumas distinções importantes entre os dois. Como Mashable Como apontado, os controladores Gamevice têm uma “ponte flexível” que exige que os controladores sejam usados ​​em um tablet para funcionar. Por outro lado, os controladores Joy-Con são funcionais sem conectar diretamente ao Switch.



Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *