Game Boy Advance completa 20 anos hoje

Duas décadas atrás, em 11 de junho de 2001, a Nintendo lançou seu sucessor do console portátil Game Boy na América do Norte. Chamado de Game Boy Advance e já tendo sido lançado no Japão em março do mesmo ano, o mais recente console da Nintendo chegou logo atrás de um dispositivo que dominou totalmente a década de 1990 e superou facilmente concorrentes como Game Gear e Nomad da Sega, bem como o infame Game.Com.

Para ficar à frente de concorrentes como o Neo Geo Pocket e o Wonderswan Color da época, a Nintendo precisava pensar grande. A orientação vertical do Game Boy original se foi, já que o Game Boy Advance favorecia uma posição de paisagem mais natural para seu formato característico, com uma tela LCD TFT capaz de transmitir incríveis 32.000 cores simultâneas em uma resolução nítida de 240 x 160.

Os controles foram mantidos simples com um pad direcional de oito vias para movimento à esquerda, dois botões de face para ações à direita e dois botões de ombro na parte superior. Juntamente com o áudio potente do DAC duplo de 8 bits para som estéreo, o Game Boy Advance parecia um grande avanço em relação ao seu antecessor.

Em muitos aspectos era, mas o console ainda dependia de um par de baterias AA para alimentá-lo, enquanto a falta de uma tela retroiluminada tornava difícil jogar à noite ou em um dia nublado. Esses problemas seriam corrigidos com o lançamento do Game Boy Advance SP em 2003, que apresentava uma bateria recarregável, um design em concha e uma tela frontal iluminada, enquanto uma revisão posterior em 2005 finalmente mudaria para uma tela retroiluminada.

Houve até um minúsculo Game Boy Micro lançado em 2005, que reduzia o hardware de um console muito portátil a um nível absurdo e cujo design poderia ser alterado com um dos vários designs de visores diferentes.

Ao longo de sua execução, o Game Boy Advance teve indiscutivelmente alguns dos melhores jogos disponíveis em um sistema da Nintendo. Pokémon Ruby e Sapphire vendeu mais de 16 milhões de unidades no console e Mario Kart: Super Circuit viu mais de 5,9 milhões de vendas vitalícias. Vários outros jogos foram aclamados pela crítica no lançamento, como Final Fantasy: Tactics Advance, Castlevania: Aria of Sorrow e a obra-prima de estratégia portátil Advance Wars.

Pode não ter superado o Game Boy original, mas a família de consoles Game Boy Advance foi um grande sucesso para a Nintendo quando foi oficialmente descontinuada em maio de 2010. 81,51 milhões de consoles Game Boy Advance foram vendidos durante sua vida, uma referência que seria derrubado por seu sucessor, o Nintendo DS, quando foi lançado apenas três anos após o Game Boy Advance.

As vendas do Game Boy Advance só recentemente foram superadas pelo atual portátil da Nintendo, o Switch, que atingiu a metade de seu ciclo de vida e pode ter uma chance de derrubar o recorde de vendas vitalícias do Game Boy se rumores de um Switch Pro virar para ser verdade.

Assista a transmissões ao vivo, vídeos e muito mais do evento de verão da Cibersistemas. Confira

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *