O CEO da Netflix não vê nenhum ponto positivo em trabalhar em casa

O CEO da Netflix não vê nenhum ponto positivo em trabalhar em casa

8 de September, 2020 0 By António César de Andrade
Click to rate this post!
[Total: 0 Average: 0]

Embora a pandemia de COVID-19 tenha visto muitas empresas, incluindo a Netflix, fazerem a transição para permitir que os funcionários trabalhem em casa em tempo integral, o fundador da Netflix, Reed Hastings, não é um fã. Embora os arranjos de trabalho da Netflix em casa continuem o tempo que for necessário para manter seus funcionários protegidos do COVID-19, Hastings disse que não vê nenhum benefício na prática.

Em uma entrevista ao Wall Street Journal, Hastings foi questionado se via algum aspecto positivo para a equipe que trabalhava em casa. “Não. Não vejo nenhum aspecto positivo”, disse ele, “não poder ficar juntos pessoalmente, principalmente internacionalmente, é uma pura negativa.” Apesar disso, ele previu que a maioria dos funcionários continuaria a trabalhar pelo menos um dia de casa, mesmo após o fim da pandemia.

A Netflix tem quase 20 escritórios em todo o mundo, sem incluir os locais onde as produções lideradas pela Netflix são filmadas. Sobre essas produções, Hastings indicou que elas estavam “funcionando em grande parte da Europa e da Ásia”, com algumas produções começando também em Los Angeles. “A esperança é que, durante setembro e outubro, possamos realmente conseguir – com testes adequados – muito mais funcionamento”, disse ele.

A segunda temporada da série The Witcher da Netflix começou a produção antes do previsto em agosto, no Arborfield Studios fora de Londres. Uma série de fotos saiu do set mostrando a equipe trabalhando com protetores faciais, máscaras e barreiras físicas entre eles.

Tocando agora: 8 melhores programas e filmes para transmissão em agosto de 2020 – Netflix, HBO Max, Hulu, Disney +, Prime Video