Viggo Mortensen revela por que recusou o papel de Wolverine

Antes de estrelar na série O Senhor dos Anéis, de Peter Jackson, Viggo Mortensen se encontrou com o diretor dos X-Men, Bryan Singer, sobre o papel de Wolverine. Ele acabaria escolhendo passar o papel, e agora ele explicou o porquê.

Mortensen explicou no podcast Happy Sad Confused que não estava particularmente entusiasmado com o trabalho porque era uma franquia. “O que me incomodava na época era apenas o comprometimento com filmes intermináveis ​​do mesmo personagem repetidamente”, disse ele (via DigitalSpy). “Eu estava nervoso com isso.”

Mortensen iria, é claro, estrelar a franquia O Senhor dos Anéis como Aragorn em três episódios, mas esses filmes foram filmados consecutivamente.

Mortensen levou seu filho Henry ao encontro com Singer como seu “amuleto e guia de boa sorte”. Henry estava familiarizado com os quadrinhos e informou ao pai que o roteiro, que ele também viu, estava muito distante do material original.

“Eu deixei Henry ler o roteiro e ele disse: ‘Isso está errado, não é assim'”, disse Mortensen.

Como Mortensen se lembra, Singer começou a “se desanimar” quando Henry abordou seus problemas, e o resto da reunião envolveu Singer explicando à criança “por que ele estava tomando certas liberdades”.

O papel de Wolverine foi eventualmente para Hugh Jackman, que interpretou o personagem em vários filmes ao longo dos anos. Mortensen disse que Jackman fez um ótimo trabalho com o personagem e teve uma atuação melhor do que qualquer um poderia.

Henry também estava envolvido na decisão de seu pai de interpretar Aragorn. Como Mortensen lembra nos recursos bônus de O Senhor dos Anéis, ele inicialmente hesitou em interpretar o personagem central da série de fantasia, em parte devido à sua falta de familiaridade com a série de fantasia, mas Henry era um grande fã e convenceu seu pai para fazer isso.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *